Estrias: tratamentos para fazer na clínica e em casa

As estrias, uma das maiores inimigas das mulheres e até mesmo dos homens, são nada mais que cicatrizes causadas pela hiperextensão da pele. Isso acontece principalmente nas coxas, peito e barriga. Os motivos são diversos: gravidez, aumento de peso ou mesmo aquele crescimento acelerado que muitas pessoas têm na adolescência.

 

tratamento_estria_casa_clinica

Estas marcas são o rompimento das fibras elásticas na camada intermediária da pele, onde estão situadas as estruturas de colágeno e elastina. Estas são responsáveis pela elasticidade e tonicidade do tecido. Ou seja, quando a pele se estende demais, tende a romper as fibras elásticas. Para conter este rompimento, o organismo cicatriza aquele local e assim, nasce a estria.

 

Embora o seu aparecimento seja definitivo e não haja nada que apague-as por completo, elas podem ser atenuadas. Confira algumas opções de tratamentos para estrias feitos por profissionais e descubra o que você pode fazer em casa para ajudar.

 

Na clínica

 

Laser Fracionado

O Laser Fracionado é um aparelho de última geração que permite um tratamento contra estrias seguro, profundo e eficaz durante todo o ano. É indicado também para os casos mais graves. Cada sessão dura 30 minutos e é realizada apenas uma vez por mês.

 

Microdermoabrasão

Também conhecido pelo nome de Peeling de Cristal, é uma técnica moderna e segura que promove a melhora das manchas superficiais, dando a aparência mais macia e suave. Cada sessão dura 60 minutos e são necessárias no mínimo 10, sendo realizada uma vez por semana.

 

Peelings

O Peeling promove um processo de esfoliação que produz descamação da pele, propiciando a renovação celular e contribuindo para a formação de colágeno. O resultado é a melhora na qualidade da pele e, consequentemente, da estria. É um método que leva cerca de 20 minutos, realizado exclusivamente por médicos capacitados e não interfere na rotina.

 

EM CASA

 

Óleos

Especialmente após o banho, a pele está mais receptiva à hidratação, o que ajuda a amenizar e combater as estrias. Aposte nos óleos como aliados, dando preferência às opções de origem vegetal, que são seguras para gestantes e muito menos propensas a causar alergias. As melhores pedidas são os de amêndoas, coco, abacate, jojoba, sementes de uva, rosa mosqueta e azeite de oliva.

 

Vitamina E

Ingrediente comum nos cosméticos, a vitamina E é antioxidante e ótima para a cicatrização da pele, promovendo a produção de fibras elásticas e colágenas. Sabe aquelas cápsulas de vitamina E vendidas na farmácia? Estoure uma ou duas e espalhe o líquido na região afetada antes de dormir.

 

Alimentação

Em primeiro lugar, manter uma alimentação equilibrada ajuda a evitar as oscilações de peso que provocam estrias. Turbinar a sua dieta com vitaminas e minerais é benéfico para a saúde de todo o seu corpo. Por isso, acrescente à sua rotina alimentos como frutas, legumes, verduras, azeite e valorize os que contenham ou estimulem a formação de colágeno, como por exemplo, a gelatina. Por fim, beba bastante água para ajudar a manter a hidratação e elasticidade da pele.

 

Cremes

O mercado disponibiliza várias opções de cremes para ajudar no combate ou, no caso das pessoas mais afortunadas, na prevenção desse problema. Alguns ingredientes são bem eficientes, como vitamina E, colágeno, ácidos glicólico e retinóico, óleos (como os da dica acima) e manteigas, como a de karité.  Na hora de escolher, fique de olho na composição!

New Call-to-action